zonadecodigo.comzonadecodigo.com
BITDRONES

 

Interação física com a realidade virtual
Uma tela voadora, na qual os bits são pequenos drones de formato retangular que voam de forma coordenada. É apenas um conceito - similar ao da argilotrônica - de resolução ainda muito baixa, mas com algumas funcionalidades interessantes. Calvin Rubens e seus colegas da Universidade Queens, no Canadá, chamam seus bits voadores de "BitDrones".
O sistema já possui uma interface primária, que permite operações como clicar, arrastar e soltar, além da digitação de comandos em bitdrones especiais de controle.

Segundo a equipe, estes são "os primeiros passos rumo à criação de uma matéria programável autolevitante" - matéria programável é uma espécie de matéria artificial cujo formato pode ser reconfigurado de forma programável.

Matéria digital: recriando a natureza usando bits em vez de átomos
"Os BitDrones trazem para mais perto da realidade a matéria programável voadora, como a mostrada no filme futurístico da Disney Big Hero 6," disse o professor Roel Vertegaal, orientador do trabalho.

"Realidade Real"

Cada bit é formado por um minidrone com uma armação aramada em volta, além de LEDs para sinalização. Todos voam de forma coordenada, controlados por conexões sem fios.

Esse enxame robótico é formado por três tipos de indivíduos: PixelDrones, equipados com LEDs e uma pequena tela, ShapeDrones, com uma grade em volta que os torna adequados para a montagem de objetos maiores, e DisplayDrones, equipados com uma tela sensível ao toque e uma câmera.

O sistema rastreia os movimentos das mãos do usuário no ambiente, permitindo a manipulação desses "voxels" no espaço - um voxel é um pixel tridimensional.

"Nós chamamos isto de interface de 'Realidade Real', em vez de 'Realidade Virtual'. É isto que a distingue de tecnologias como a Microsoft HoloLens e os Oculus Rift: você pode realmente tocar esses pixels e vê-los sem um capacete," disse Vertegaal.

Resolução da matéria

Embora esse primeiro protótipo consiga lidar apenas com alguns poucos BitDrones grandes, a equipe afirma já estar trabalhando para miniaturizar os PixelsDrones e desenvolver um sistema que permita controlar milhares deles.

A ideia é que cada PixelDrone tenha cerca de 1,5 centímetro de largura, criando uma matéria programável de resolução mais aceitável.

Talvez isto possa fazer o conceito aproximar-se um pouco mais da holografia, que ainda sofre com a falta de uma estrutura de tela para mostrar objetos em 3D.

Bibliografia:

BitDrones: Towards Self3Levitating Programmable Matter Via Interactive 3D Quadcopter Displays
Calvin Rubens, Sean Braley, Antonio Gomes, Daniel Goc, Xujing Zhang, Juan-Pablo Carrascal, Roel Vertegaal
ACM UIST 2015 User Interface Software and Technology Symposium
http://www.hml.queensu.ca/s/UIST-Bitdrones-paper146.pdf
Comentar artigo






 

[ Principal ][ Aulas Particulares ][ Artigos ][ Fale Conosco ]

© www.zonadecodigo.com— tem como objetivo estender o aprendizado online de matemática, física e informática, bem como motivar professores e alunos para o aperfeiçoamento de seu papel na sociedade dentro dos parâmetros da atual tecnologia.
A todos, muito obrigado. Fred Gomes de Lima